quarta-feira, 20 de março de 2019

Resenha de Esposa Até Segunda


Oi gente, tudo bem?
Vim falar do 2º livro da série “Noivas Da Semana”, o Esposa Ate Segunda.
Carter Billings: com seus cabelos loiros, olhos azuis e beleza hollywoodiana, ele pode ter a mulher que quiser. Mas, quando decide concorrer à vaga de governador do estado da Califórnia, Carter sabe que vai precisar abandonar a vida de solteiro e se tornar um homem de família. E para isso ele precisa de uma esposa. Entra Eliza Havens, que gerencia a agência de casamentos Alliance. Eliza Havens: ela está feliz por sua amiga Sam ter arrumado um marido rico e atraente. Só tem um detalhe que a deixa louca da vida: o melhor amigo dele, o sexy e ousado Carter Billings. Eliza nunca brigou tanto com um homem — e nunca conheceu alguém que mexesse tanto com ela. Juntar pessoas solitárias é a maneira como Eliza ganha a vida, porém um obscuro segredo do passado a faz descartar totalmente a possibilidade de se casar. Pelo menos foi assim até agora...

Carter e Elisa são os melhores amigos do casal principal do 1º livro, então foi meio que natural o foco ser nesses dois agora. Carter e Elisa se conheceram na festa de casamento de seus amigos, Samantha e Blaike. Talvez por isso, eles tenham negado a atração que sentiam um pelo outro.
Mas, coisas acontecem e Carter acaba precisando desesperadamente de uma esposa, por conta da eleição governamental, e isso aliado ao passado de Elisa que volta para assombrá-la, Carter então decide pedir Elisa em casamento, por causa da paixão avassaladora que sentem um pelo outro e por saber que mesmo um casamento por conveniência no começo, pode no fim se transformar em amor.
Já Elisa reluta em aceitar a proposta de Carter por conta do seu passado, só que muitas coisas acontecem que faz ela aceitar sua proposta em troca de proteção no sentido literal da palavra.
Mas com o tempo e a convivência essa paixão carnal se transforma em amor romântico.
Prontos para acompanhar a historia de Elisa e Carter?
Volto em breve.
P.S: Desculpa não ter postado no horário normal, mas ontem apos o perigo de quase ser morta por uma cobra e ser salva pelo meu cachorro, precisava urgentemente dormir.
Atenciosamente, Thays.

domingo, 17 de março de 2019

Seriado Desventuras Em Série

Oi gente, tudo bem?
Vim falar com vocês, do seriado baseado nos livros de mesmo nome: Desventuras em série.
É uma série original netflix já completa no catálogo, com um total de 25 episódios divididos em 3T.
A última temporada foi lançada pela netflix no dia 1 de Janeiro de 2019.
Essa série é a adaptação dos 13 livros, pelo qual a série é composta.
A netflix adaptou cada livro dividindo em 2 episódios, com exceção do último livro que foi adaptado em um episódio único.
Aqui é contada a história dos órfãos: Klaus, Violet e Sunny Budelaires, que por um acaso do destino, perderam os pais em um incêndio criminoso que destruiu sua casa.
Então ainda no início, eles são mandados para um novo tutor: O Conde Olaf que logo de cara descobrimos que só quer colocar a mão na herança deixada pelos seus pais.
Quando o plano dele de colocar as mãos na fortuna é descoberto, os órfãos Budelaires são mandados a outros tutores.
Assim conforme a história avança, vemos eles sendo transferidos de tutores em tutores, e todos acabam inevitavelmente de alguma forma mortos.
Acho que o povo dessa série ou se finge de Burro ou é burro mesmo, porque só assim para não perceber o que estava mais na cara que nariz, o tempo todo e não viram, que em todos os casos das mortes dos tutores dos irmãos Budelaires, o Conde Olaf estava diretamente envolvido.
Não sei porque, mas parece que inevitavelmente se você for criança, apesar de você ter razão, suas opiniões acabam não sendo levadas em conta.
São tantas aventuras e desventuras que os irmãos Budelaires passam para sobreviver as armações do Conde Olaf que chega a ser quase inacreditável as vezes.
Ainda não li os livros do qual essa série foi baseada, então me diga nos comentários se devo ou não ler e fazer as resenhas pra vocês?
Por enquanto é isso.
Volto em breve.
P. S: Estou escrevendo pelo celular, então me avisa se possuir erros ta.
Atenciosamente, Thays.

quarta-feira, 13 de março de 2019

Resenha de Um Beijo Inesquecível

Oi gente, tudo bem?
Hoje vim falar do 7º livro da série Os Bridgerton, Um Beijo Inesquecível.
Toda a alta sociedade concorda que não existe ninguém parecido com Hyacinth Bridgerton. Cruelmente inteligente e inesperadamente franca, ela já está em sua quarta temporada na vida social da elite, mas não consegue se impressionar com nenhum pretendente.
Num recital, Hyacinth conhece o belo e atraente Gareth St. Clair, neto de sua amiga Lady Danbury. Para sua surpresa, apesar da fama de libertino, ele é capaz de manter uma conversa adequada com ela e, às vezes, até deixá-la sem fala e com um frio na barriga.
Porém Hyacinth resiste à sedução do famoso conquistador. Para ela, cada palavra pronunciada por Gareth é um desafio que deve ser respondido à altura. Por isso, quando ele aparece na casa de Lady Danbury com um misterioso diário da avó italiana, ela resolve traduzir o texto, que pode conter segredos decisivos para o futuro dele.
Nessa tarefa, primeiro os dois se vêem debatendo traduções, depois trocando confidências, até, por fim, quebrarem as regras sociais. E, ao passar o tempo juntos, eles vão descobrir que as respostas que buscam se encontram um no outro... e que não há nada de tão simples e de tão complicado quanto um beijo.

Neste livro acompanhamos a historia da caçula dos Bridgerton: Hyacinth. Ela é cativante, inteligente, fala o que pensa sem se importar se esta se comportando bem ou não, bem diferentes das moças debutantes existentes, que só se preocupam em se casar e não ferir o ego do marido sendo mais inteligente que ele.
Para ela alguém que não consegue acompanhá-la em uma conversa inteligente não merece a honra de ser seu marido. E assim, vai passando temporada atrás de temporada sem ela encontrar alguém.
Mas parece que o destino resolveu dar uma ajudinha: Ela conhece Gareth durante um recital de musica clássica, assim descobre que ele é neto de Lady Danbury a única outra mulher em Londres capaz e com coragem de dizer exatamente o que pensa, e que por acaso é sua grande amiga.
Com o passar do tempo, ela percebe que ele consegue conversar com ela sem se sentir ofendido, e começa a conviver muito com ele, talvez pelos laços que os unem, e durante as traduções do diário de um ancestral dele, eles vão se apaixonando lentamente.
Ele por outro lado percebe logo de cara, sua personalidade marcante e logo se da conta de que ela será uma boa esposa pra ela, pois, pra ele uma mulher que consegue ser amiga de sua avô, a pessoa que ele mais ama nesse mundo, é uma boa mulher pra se ter como esposa.
Historia cativante, que te prende do inicio ao fim.
Volto em breve com sua continuação.
Atenciosamente, Thays.

domingo, 10 de março de 2019

Seriado Sex Education


Oi gente, tudo bem?
Vim falar de Sex Education, uma série original netflix, lançada mundialmente dia 11 de janeiro de 2019, por enquanto com 1T apenas, contando com 8 episódios de aproximadamente 45 minutos cada.

A história gira em torno de Ottis, um adolescente de 17 anos, atualmente cursando o último ano do ensino médio e seus amigos. Ottis é um adolescente muito sexualmente reprimido, que não sabe e não tem coragem de lidar com seus problemas de cunho sexual.
Sua mãe é uma terapeuta sexual muito boa, mais não possui qualquer tato para lidar com o filho, falando de sexo ao redor dele 24h por dia nos 7 dias da semana, e que por mais incrível que pareça quando se trata do filho, ela não possui qualquer senso de privacidade, sendo que para um adolescente principalmente nessa fase, privacidade é tudo.
Ottis tem um melhor amigo gay muito bem resolvido psicologicamente nesse aspecto, que se assumiu pro resto do mundo, mais que continua no armário quando se trata da família.
Os dois fazem praticamente tudo juntos, e em algum momento da história entra Maeve, uma garota muito inteligente, que consegue enxergar oportunidades de se dar bem, onde a maioria das pessoas provavelmente não veria.
Acontece uma certa coisa no colégio e Ottis ajuda seu colega e ele consegue se libertar, assim Maeve percebe que ele possui um talento nato para lidar com o problema sexual dos outros, e a partir dali Ottis se torna um terapeuta sexual mirim dos alunos do colégio.
Ele e Maeve fundam um consultório de terapia sexual e começam a ganhar um dinheiro encima disso. Erik também possuía alguns demônios psicológicos para sanar e vemos ao longo da série ele se libertar completamente.
É impactante ver no decorrer da série o quanto coisas ocorridas na infância pode nos prejudicar ao longo da vida adulta e que se não procurarmos ajuda especializada acabaremos nos tornando adultos problemáticos.
Inclusive o Ottis que tem muitos problemas pra tratar, enquanto ajuda seus colegas, ele mesmo vai conseguido lidar com os próprios problemas, que vai sendo mostrado ao longo da série, que explica porque ele se tornou quando cresceu um adolescente tão sexualmente reprimido.
É muito legal acompanhar o Ottis em sua descoberta sexual e lidando com seus demônios internos, ele assim como muitos possui um crescimento significativo ao longo da série.
Até nesse presente momento, foi anunciado a renovação da série para uma 2T, ainda sem data prevista de lançamento.
É isso, por enquanto.
Volto em breve.
Atenciosamente, Thays.

sexta-feira, 8 de março de 2019

Resenha A Garota Do Calendário/Março


Oi gente, tudo bem?
Aqui estou eu, com o 3º livro da série A Garota Do Calendário.
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser...
Mia vai passar o mês de março em Chicago com o empresário Anthony Fasano, que a contrata para fingir ser noiva dele. A princípio Mia não entende por que um homem tão lindo e másculo precisa de uma falsa noiva.

Assim que Mia conhece a dinâmica entre Anthony e Hector, ela percebe o porque de Anthony precisar de uma noiva de mentira, afinal ele é gay e tem um medo absurdo de que sua família descubra e o rejeite, isso ele não aguentaria nunca.
Mas apesar de seus medos, conforme o tempo vai passando e ele é forçado a enfrentá-los, ele percebe que ele pode sim, ser feliz de forma plena se ele simplesmente tiver a coragem de dizer a verdade e não ligar para o que o mundo pensa de si.
Já Mia tem a oportunidade de se ver em torno de uma família completamente estruturada de forma correta e ela gosta do que presencia ali, sem segredos e mentiras, já que em sua própria família ela não tem isso completamente, só com sua irmã já que sua mãe os abandonou quando criança e seu pai se transformou num bêbado viciado em jogos.
No fim, assim como Tony se liberta das amarras, Mia também percebe como seria sua vida se ela pudesse vivê-la da forma certa. É impressionante a forma que Mia vai crescendo como pessoa no decorrer dos livros.
Volto em breve.
Atenciosamente, Thays.